Você já pensou como o ambiente te afeta?

“Bora” colocar atenção nisso, porque:                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                   

A nossa vida é o produto de como nos               relacionamos com o universo!

Para entender como o ambiente nos afeta, temos que olhar desde o nosso interior, passando pelo exterior, nossa casa e espaços que passamos mais tempo, indo até as estrelas. 

Como diz o Feng-Shui, o conhecimento milenar ancestral de harmonização dos ambientes, as relações estabelecidas entre  o ser humano, a terra e o céu.

Nós não somos uma existência individual, somos uma sincronia, uma rede de tudo que nos cerca e que principia desde nosso interior reflete para fora e vive um ciclo de emissão/recepção ou constante fluxo de feed-back.

Sincronia com a natureza é a chave de termos saúde, um simples exemplo e o ciclo circadiano, ou dia/noite para calibração de nosso sono e atividade com disposição.

Na atualidade, nos encontramos tão desconectados que achamos que esta desconexão é a nossa natureza. 

Como estamos agora:

Precisamos refletir e acompanhar o ritmo da vida, natureza, cosmos, em sincronia, significa para nós uma existência mais harmônica e equilibrada.

São muitas forças que nos sensibilizam, atuam, interferem, participam e fazem de nós quem somos e automaticamente como nos sentimos.

O que é acertar o sincronismo com toda a vida, são tantos os mecanismos operantes neste cosmos que precisamos estar em harmonia com eles.

A humanidade como um todo, nos dias de hoje, está enferma. Os números estatísticos de enfermidades é alarmante. Obesidade, uso de remédios de uso continuo, diabetes mellitus, depressão e tantas mais.

Este fato pede de nós uma profunda reflexão pois além de cuidar do como nos alimentamos, temos atividade física, descanso e todos ritmos que estabelecemos, temos que nesta equação incluir sem duvidas os nossos ambientes.

Vamos olhar os detalhes e todas as relações para entender mais:

O Corpo:

-o poder das praticas físicas e inegável em nosso bem estar, devem ser feita de acordo com a nossa preferência e bem orientadas pelos profissionais da área. Restabelecer a sincronia de estar em ritmo com a vida do planeta, a natureza. A sabedoria ancestral recomenda: o corpo é um sistema que foi feito para o movimento.

-Alimentação Saudável, …. a orientação e personalização de uma rotina para dar ótimos resultados é muito importante pois um profissional nutricionista ou nutrólogo podem podem dar a vc os atalhos para obter melhores resultados em menor tempo. Mas a regra da vovó de escolher ingredientes frescos e naturais, sem contaminantes, evitar todo e qualquer excesso é sabia também.

-Ambiente, a reverberação deste ambiente sobre nós no âmbito físico, mental e espiritual é digno de prestamos atenção.

A Mente e o espírito:

Exercitando a mente em seu modo tempo presente.

-tenha um cantinho devotado ao sagrado, dedicado ao contato com seu interior. Para isso podemos praticar meditação e mindfulness. Estas sao ferramentas de auto-conhecimento.

  • além da meditação e mindfulness, devemos falar em Feng-Shui, pois este conhecimento multimilenar tem muito a nos ensinar sobre o equilíbrio que precisa ser estabelecido para entre nosso templo, corpo/mente/espírito com este ambiente que é o templo do nosso templo.
  • A nossa mente funciona em sua maior parte no modo inconsciente, ou seja 95% do tempo e só 5% em modo consciente, pela mente lógica e analítica. Sendo assim veja a importância de meditar para aumentar a interação entre inconsciente e consciente, serenidade a mente e manter um padrão harmônico de ondas cerebrais. 

Conexão com o ambiente e natureza:

Estar em conexão, isso não é incluir um modo a mais, isso significa estar no modo.

Colocando a sua atenção em seu ambiente:

-na serie que escrevi intitulada de Casa Saudável, abordo vários âmbitos para nos tornarmos cientes de como nosso ambiente contribui positivamente ou não.

-Um aspecto de fundamental importância dentre os outros abordados, que nos dá ritmo, quando falamos em respeitar o ciclo circadiano, estamos simplesmente falando: entre no fluxo da natureza, este marcador que temos nos pede equilíbrio, para termos um dia de atividade com muita disposição e uma noite de sono profundo e reparador. A receita é simples, expor-se por alguns minutos ao sol, e a noite evitar a frequência da luz azul, só isso ja faz este milagre da natureza funcionar.

-Estar em conexão com a natureza significa estarmos acompanhando o fluxo de energia que mantem a tudo no cosmos, há um ritmo, um movimento.

-O ambiente tem muita importância nestes itens pois estamos a maioria de nosso tempo em ambientes internos, na verdade são em torno de 90% do nosso tempo, isto é muito mais do que imaginamos, ou parece que nem tanto, mas na verdade esta é a media de tempo, incrível não é?

Há um numero crescente de pessoas que desejam obter mais da sua existência e este artigo e para você que busca isto, o aprimoramento continuo é parte da nossa natureza, mas não nos esqueçamos que cada um tem seu ritmo e tempo próprios, quem tem pressa de se aprimorar pode olhar com respeito amoroso a quem quer ficar exatamente onde está.

Como engrenar nossos relógio biológico com o da natureza.

Temos um ritmo ou ciclo circadiano, regulado pela luz e pelos ritmos da natureza como fases da lua, temperatura, luz solar.

Neste aspecto, podemos enfatizar a importância da natureza em nossas vidas, o contato com ela nos auxilia de muitos modos, incluindo a calibração do nosso ritmo. Além do ciclo circadiano, obedecemos vários ritmos em âmbitos energéticos por exemplo, em aspecto de percepção, ou aquilo que chega via percepção através dos nossos sentidos.

E preciso mudar!

Temos que repensar nosso estilo de vida, pois nossa relação com o ambiente tem que ser vista, elaborado e corrigida em que for necessário, podemos repetir com constância os hábitos errados que desconstroem nosso bem estar.

Vamos enumerar algumas boas praticas para obtermos bons resultados:

1- Reconhecer a importância do ambiente em nossa vida, trabalhar par que ele seja harmônico e auspicioso.

2- Elaborar o ambiente da casa ou escritório de maneira que ele possa oferecer uma rotina de praticidade, comodidade, alegria. Para se obter isto temos que ter olhos para móveis inteligentes,  capazes de interagir com nossas necessidades de armazenagem, uso e beleza.

Ressalto aqui a importância de um ambiente bem projetado.

3- Incluir a natureza, sua sabedoria natural e fluxo na nossa casa. Tenha plantas, cuide bem delas. Eu tenho uma cliente muito querida que conversa com suas plantas e tem vasos maravilhosos, sempre floridos, como se agradecendo a forma amorosa e interativa.

4- As plantas dentro de casa, ar limpo e fresco, beleza e equilíbrio, cores belas e harmônicas, funcionam como nutrientes para nosso ser. 

A casa precisa estar limpa e organizada, o ar de ótima qualidade sem poluição química. A iluminação natural deve ser abundante e com possibilidade de controle.

5- Organização conta muito para a nossa paz interior pois ficamos com a impressão de tudo esta em seus lugares e não perderemos tempo para infinitas procuras se de algo precisarmos nos objetos guardados.

6- Ambientes bem iluminados, deixe o sol entrar por pequenos espaços de tempo pois ele renova a energia e tem efeito asséptico, ou tem o poder de eliminar micro organismos nocivos a saúde.

7- Cuide do silêncio mas também cuide do som. Lembre-se que boa musica nos faz bem e traz alegria, sons da natureza nos reequilibram, o som é um estimulo qualificado para criatividade e bem-estar.

8- Imagens e quadros, assim como objetos, devem te provocar boas impressões, como alegria, positividade e bem-estar.

9- Investir em qualidade pois isto significa ter que trocar menos, ter um objeto ou móvel que tenha valor emocional e boa qualidade, isto resultará em durabilidade na composição.

10-Lembre-se de ter um cantinho privativo, silencioso, onde possa praticar sua meditação ou qualquer ato de fé pois isto reforça nosso interior.

Espero que encontre nestes itens assunto para colocar em prática, lembre-se que olhar amorosamente para o ambiente nos enriquece e acrescenta qualidade de vida e bem-estar.

Agora você tem ferramentas para compor o ambiente que te afeta para seu bem-estar e qualidade de vida.

Viver de modo mais completo, feliz e harmonioso nos leva a uma existência mais plena!

Deixe seus comentários ou perguntas, terei prazer  em responder.

Obrigada por estar conosco.

Beijos

Maitê Orsi

4 comentários em “Você já pensou como o ambiente te afeta?”

  1. Maitê,
    Um texto gostoso, com dicas tão importantes para realizarmos todos os dias, de forma simples e prática, ganhando esta possibilidade de sermos afetados de forma totalmente positiva pelo ambiente.
    Criando está conexão com o universo interior e exterior .e trazendo grande bem estar para o corpo e a alma .
    Parabéns !
    Edu

  2. Falar com você mesma é condição de vida, falar com as plantas é uma necessidade para entendê-las , só assim elas serão o seu jardim encantado.
    Beijos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *