Você sabe como construir uma casa saudável?

Aí vão 10 dicas para você por em prática:

No ano passado em setembro, comecei escrever com base na minha experiência profissional de mais de três décadas em projeto de interiores e muito estudo na área de Feng-Shui, Vastu Shasta, Design Biofilico, Neuro-arquitetura, psicodinâmica da cor, estudos sobre saúde do ambiente e de como devemos cuidar dele para obtermos o melhor para nossa vida. Este é  um assunto para quem busca viver em alta performance.

O resultado foi robusto, colecionei temas, áreas e pesquisas sobre isto e desejo compartilhar com você de forma simples para que também possa ter uma vida mais harmônica, qualificada e feliz.

Agora vamos as dez dicas práticas para colocar sua cassa em um novo patamar para sua saúde e bem-estar.

Enriquecer nosso diálogo com nossa casa ou ambiente de trabalho é mais importante do que parece inicialmente. O que precisamos é prestar atenção aos detalhes sobretudo os que nos incomodam e nos fazem sentir desconfortáveis. 

Vamos traduzir nossas ações em afetividade e atenção, em conexão com nosso ambiente, pois a nossa casa é a nossa extensão! 

Atenção às dez dicas:

Cama arrumada ajuda a arrumarmos nosso mental.
  1. Imagine a roupa de cama da sua cama bem passada, sedosa e cheirosa. Arrumar a cama bonita, combinando cores ou estampas com o quarto, roupa passada e cheirosa, quarto limpo. Pode parecer um detalhe sem importância, mas faz o dia começar organizado e traz muito bem-estar. Você pode deixar o quarto limpinho e colocar a roupa de cama bem passadinha, passar uma água de lençol nas roupas de cama e até adornar com flores, mas todo o cuidado ao escolher o produto se tiver alguma alergia. 
  2. Cuidar das plantas de dentro de casa, tirar folhas amarelas, nutrir, regar, observar se estão indo bem pois cada uma tem uma preferência de lugar. Elas agradecem a atenção, a nutrição e o cuidado. Retribuem com lindas folhas ou flores.(leia mais em Casa saudável parte 2) A dica prática é trazer o verde para dentro com o cuidado de escolher plantas que resistam a sombra ou meia sombra, lembrando que no espaço interno para a correta manutenção de vida das plantas, pode não haver incidência solar direta mas precisa haver luz.
  3. Cuidar da boa circulação de energia (leia mais em Casa saudável parte 4) A dica pratica é evitar assimetria nos ambientes, excesso de arestas provenientes de moveis, pilares ou vigas na edificação. A ventilação é um item fundamental pois ela renova o ar e faz as energias circularem.
  4. Harmonizar as cores (leia mais em Casa saudável parte 6) As cores dão vida, podem ajudar na harmonia ou pesar e atrapalhar. A dica prática aqui e usá-las com ótimo nível de harmonia. Paletas neutras e suaves, dos beges e tons clarinhos ou amadeirados, acalmam e tornam o ambiente seguro, as energizante são as cores que dão aquele ânimo como vermelho, laranja e amarelo ou as calmantes que são o verde, azul e tons suaves. Este é um básico para te nortear. (leia mais em Cores Energizantes, Calmantes e Paleta Neutra
  5. Ter iluminação adequada para cada tarefa e de cor de luz ideal para cada fase do dia e noite (leia mais em Casa saudável parte 7). A luz natural é como um marcador para o nosso organismo e regula inúmeras funções orgânicas relacionadas ao nosso sistema hormonal, você pode aumentar seus níveis de energia e disposição e também melhorar a qualidade do seu sono. 
  6. Verificar se há alguma falha Geopatica que possa interferir no padrão vibratório saudável (Casa saudável parte 3) Para esta checagem pode se ter o auxilio de um especialista, esta aferição é feita por um radiestesista, através de um pêndulo ou varetas de cobre. Verifica-se se não há no subsolo caverna que promovem distorções eletromagnéticas, água corrente e outras anomalias.
  7. Verificar se não há fontes de campos eletromagnéticos próximos, tais como redes elétricas de alta tensão, torres de retransmissão de sinal de TV, radio, celulares.As ondas emitidas por estas fontes citadas, até mesmo pelo celular, Wi-Fi tem um pulso constante de onda, já o nosso corpo tem variações de órgão para órgão e quando submetidos à um sinal externo como os já citados, há uma interferência que traz diminuição de saúde pois nos tira do nosso biorritmo natural, devemos ter atenção e cuidado para que isso não roube nossa energia e vitalidade.
  8. Cuidar do silêncio e do som da casa (Casa saudável parte 8) para se ter conforto acústico especialmente em regiões onde há muito ruído, é preciso ter caixilhos que façam isolamento e há  muitos materiais que contribuem para a melhoria acústica do ambiente. Além de ser ótimo manter musica ambiente calma, sons da natureza. Saiba que os aparelhos de neuro feedback, usam as frequências das ondas do mar para corrigir nosso padrão de ondas cerebrais e para que haja melhoria do periodo em que estamos em ondas alfa.
  9. Cuidar do cheiro e evitar emanações tóxicas (Casa saudável parte 2). Todo o cuidado com os materiais construtivos pois eles podem ter emanação de gases tóxicos como aldeídos e também com produtos de limpeza cujos componentes podem ser prejudiciais a nossa saúde. Nunca faça misturinhas que podem em sua combinação criar novos compostos químicos que são tóxicos.
  10. Cuidar da Harmonia geométrica do ambiente (Casa saudável parte 5) A geometria do ambiente altera a sua leitura visual, a percepção do espaço e o correto fluir da energia. Seria o mesmo que dizer que em uma caixa de dimensões regulares, onde todos os seus lados sao iguais, uma onda sonora se propagaria de modo organizado sem distorções mas em um ambiente semelhante a uma caixa toda irregular e com lados desproporcionais, as mesmas ondas se propagariam de modo desorganizado e criariam muitas reverberações indesejáveis. A geometria é como uma matriz divina da criação, pois na criação, do átomo às galáxias há uma organização estonteante, uma reprodução perfeita de formas, assim sendo devemos tentar nos aproximar o quanto mais possamos desta simetria e organização pois isto nos nutrira de mais e melhor energia.
Life’s Flower

A arquitetura do cosmo é bela, regular, harmonica.

Então agora é só você colocar os dez itens em prática. Comece por um deles e vá implementando um a um.

O fato é que toda reforma ou construção bem sucedida começam co um bom projeto.

Deixe seu comentário, faça a sua pergunta e compartilhe!

Obrigada por estar nos prestigiando com sua presença.

Contato